Quando falamos de transparência,
falamos a sério.

Na ClicInvest não há perguntas complicadas ou meias respostas.
No final do dia, queremos que possa aproveitar com toda a confiança
as vantagens deste novo conceito.

    Sobre a ClicInvest

  1. O que é a ClicInvest?

    A ClicInvest é uma plataforma de financiamento colaborativo onde indivíduos e organizações podem financiar diretamente pequenas e médias empresas com sede em Portugal.

    Desenvolvemos o mercado ClicInvest porque somos pelo crescimento. Porque somos pragmáticos. Porque somos positivos.

    Vemos neste modelo de negócio uma oportunidade para o país: para todos os que têm poupanças e procuram alternativas rentáveis para as suas aplicações; para as empresas que procuram crescimento sustentável e que para isso necessitam de financiamento; para os investidores tradicionais que procuram empresas onde investir; e para a sociedade em geral, pois acreditamos, com este modelo, estar a contribuir para um Portugal mais próspero que aproveita as oportunidades e estimula o talento.

    Promovemos uma ponte direta entre, por um lado, as empresas que criam valor e estimulam o emprego e, por outro lado, todos os investidores, pequenos, grandes ou institucionais.
    Tirando partido da mais avançada tecnologia, procuramos dar uma solução para as empresas que, na procura de financiamento, são confrontadas com processos demorados, complexos, burocráticos, com taxas de juro e comissões elevadas, bem como condições por vezes proibitivas para os pequenos negócios.

    A todos os que poupam e procuram utilizar os seus recursos de forma mais eficiente, procuramos dar uma alternativa rentável às opções tradicionais de poupança que oferecem reduzida remuneração, com o incentivo adicional de contribuir para o crescimento sustentável da economia portuguesa.

    O nosso processo online é simples, com mínima burocracia, transparente, rápido e eficiente, tanto para quem procura financiamento como para quem está interessado em investir:



      - Simples: assente num modelo digital, 24/7, que proporciona o melhor nível de user experience em plataformas similares;
      - Mínima burocracia: com a mais avançada tecnologia, integramos toda a informação necessária para reduzir ao máximo a burocracia e duração do processo, garantido, em simultâneo, a máxima fiabilidade tanto para as empresas como para os investidores; 
      - Transparente: assente num processo de seleção de empresas com critérios claros e fiáveis, com toda a informação disponível para os investidores. Sem taxas ou comissões escondidas. Sem surpresas;
      - Rápido: todo o processo é célere. Em minutos, empresas e investidores podem fazer parte da solução.
      - Eficiente: ao criar uma ponte direta entre a oferta e procura, ao eliminar intermediários e custos associados, conseguimos melhores taxas e condições para as empresas e os investidores.

    Faça parte desta solução.

  2. O financiamento Colaborativo por empréstimo é regulamentado em Portugal?

    Enquadramento a nível de regulação está a ser desenvolvido pelas entidades competentes.

    No dia 1 de Julho de 2015 a Assembleia da República aprovou o regime jurídico do financiamento colaborativo ficando a CMVM responsável pela regulamentação da atividade.
     
    Em Dezembro de 2015 foi apresentado um projeto de lei para a regulamentação de financiamento colaborativo de capital ou empréstimo. O mesmo ficou sujeito a consulta publica até ao final de Janeiro de 2016. Em Maio de 2016, o mesmo projeto de lei foi publicado já com algumas alterações resultantes da consulta pública.

  3. Financiamento Colaborativo por Empréstimo é Crowdfunding?

    Sim, é uma das modalidades de Crowdfunding.

    Existem várias modalidades de financiamento colaborativo (Crowdfunding). O Mercado ClicInvest desenvolve a sua atividade de crowdfunding na modalidade de financiamento colaborativo por empréstimo.

    As quatro principais modalidades de financiamento colaborativo existentes são nomeadamente:

    Financiamento Colaborativo através de donativo: a entidade financiada recebe um donativo e em contrapartida pode optar por entregar, ou não, uma recompensa não monetária;

    Financiamento colaborativo com recompensa: em contrapartida pelo financiamento obtido a entidade financiada fica obrigada a entregar unidades dos produtos ou serviços financiados;

    A PPL é um excelente exemplo, dos modelos acima, a operar no nosso mercado.

    Financiamento colaborativo de capital: A entidade financiada remunera o investidor através de uma participação no capital social, distribuição de dividendos ou partilha de lucros.
    A Seeders é um excelente exemplo. Foi fundada por um Português mas que infelizmente ainda não opera em território nacional.

    Financiamento colaborativo por empréstimo: A entidade financiada remunera o investidor devolvendo o capital investido, acrescido do pagamento de juros a uma taxa que é fixada no momento da angariação. Se procura esta modalidade, está no sítio certo.

  4. Porquê razão deve confiar na ClicInvest?

    A ClicInvest preocupa-se em garantir que toda a sua atividade é desenvolvida em conformidade com a legislação em vigor e que todos os direitos dos investidores e empresas no ecossistema ClicInvest são assegurados.

    Nesse sentido, reunimos uma equipa que em conjunto acumula dezenas de anos de experiencia em gestão de diferentes áreas de negocio e avaliação de risco.

    Todos os processos associados ao mercado ClicInvest estão devidamente documentados de forma a garantir a consistência dos mais elevados padrões de qualidade na gestão e serviço ao cliente.

    A ClicInvest conta com uma sólida rede de parceiros especialistas em diferentes áreas. A titulo de exemplo na área da análise risco desenvolvemos uma parceria com a Iberinform, especialista na gestão integrada de risco, a atuar no mercado Português desde 1947.

    A ClicInvest é detida pela empresa Lincefunding, S.A., registada com o código de certidão comercial 1413-8026-8732 e com número de identificação fiscal 513 760 164.

  5. Como é que a ClicInvest mitiga fraude?

    Ao proceder a uma candidatura, para investidor ou para se financiar, os indivíduos e organizações têm que entregar um conjunto de informação.

    Com base nesta informação são executados mecanismos de validação de identidade.

    Caso identifiquemos inconsistências na informação entregue, procederemos ao bloqueio da conta até que a situação se encontre esclarecida.

    Adicionalmente o nosso site funciona de acordo com os protocolos, validações e mecanismos de segurança recomendados o que permite aumentar a integridade dos seus dados e das transações financeiras.

    Caso queira saber mais informação acerca dos procedimentos de mitigação de fraude informática e financeira na ClicInvest, favor entre em contacto connosco.

  6. Como posso contactar a ClicInvest?

    Se tem dúvidas sobre o funcionamento do mercado ClicInvest sugerimos que visite a nossa secção de Dúvidas.

    Se não encontrou resposta às suas questões na nossa secção de dúvidas, poderá falar connosco via online support (veja canto inferior direito do ecrã) ou enviar-nos um email (apoio@clicinvest.pt).

    Agradecemos todos os seus comentários ou sugestões.
    Se a sua questão for urgente, poderá contactar-nos através do número 211 359 712, entre as 09h00 e as 17h00, de Segunda a Sexta.

    Se preferir escrever-nos, poderá fazê-lo para a morada:

    Avenida Conselheiro Fernando de Sousa nº 19 5ºA
    1070-072
    Lisboa

  7. Por vezes não encontro a ClicInvest ao procurar nos motores de busca:

    ClicInvest é muitas vezes erradamente procurado como Clickinvest.

    Embora não tão frequentemente também pode ser confundido com:
    Click & Invest
    Click Invest
    Cliqueinveste
    ClickInveste

    Nós escolhemos este nome por ser simples e internacional, algo que a ClicInvest representa

    Investidores

  1. Como é que empresto dinheiro às empresas?

    Para começar a investir através da ClicInvest, o primeiro passo é efetuar o seu registo (demora menos de 30 segundos).
    Após introduzir os seus dados, receberá um email a pedir para confirmar o seu registo.

    Com a confirmação, já pode começar a aceder à sua área privada ClicInvest.

    A sua área privada está preparada para que possa gerir todo o processo de investimento, desde a consulta das empresas disponíveis no mercado, até à colocação de ofertas e controlo dos reembolsos.

    Para ser possível investir, tem de garantir que transfere fundos para a sua conta ClicInvest. Com o valor disponível na sua conta pode selecionar quais as empresas e o montante que pretende financiar. O montante de cada oferta individual no mercado ClicInvest pode variar entre os 10€ e 2.499€. O número de ofertas por empresa não está limitada.

    Concluída a oferta, o montante oferecido fica cativado até o empréstimo estar financiado a 100%. Caso o empréstimo não seja financiado na totalidade e não seja concretizado o montante referente à sua oferta deixa de estar cativado e fica de novo disponível.

  2. Existe um montante máximo de investimento por empréstimo?

    Não. A oferta mínima é de 10€ e a máxima de 2.499€. No entanto pode fazer múltiplas ofertas para o mesmo empréstimo.

  3. Onde posso consultar a informação sobre as minhas ofertas e investimentos a decorrer?

    Toda esta informação estará disponível na sua área privada.

  4. Posso cancelar uma oferta?

    Uma vez que a oferta esteja colocada não pode ser cancelada.

    Os únicos cenários em que a oferta deixa de estar ativa são nomeadamente:

      - O prazo disponível para o financiamento atingir os 100% chegou ao fim, sem que o objetivo tenha sido atingido e o empréstimo concretizado;

      - A empresa que fez o pedido de financiamento cancelou o mesmo dentro do prazo previsto;


      - A ClicInvest optou por remover o pedido de financiamento do Mercado.


  5. O que acontece se uma empresa antecipar a devolução do empréstimo ?

    Caso a empresa opte por amortizar o empréstimo antes da data contratualizada, devolver-lhe-emos o valor que investiu e respetivos juros à data.

    As empresas financiadas têm sempre a opção de antecipar os pagamentos dos empréstimos contratualizados sem qualquer penalização.

    Caso o reembolso do seu investimento seja antecipado não faltaram outras excelentes oportunidades no mercado ClicInvest.

  6. A empresa está atrasada no pagamento. O que devo fazer?

    Se por algum motivo a empresa que financiou se atrasar no reembolso do empréstimo, a ClicInvest entrará em contacto com a mesma para verificar a situação e resolvê-la com a maior celeridade possível. Se for necessário, solicitaremos o apoio da Gestifatura No processo de cobrança.

    Embora a ClicInvest reúna todos os esforços possíveis para assegurar o reembolso dos empréstimos. Lembre-se que qualquer investimento tem um risco associado e o valor do mesmo poderá variar.

  7. O que acontece se uma empresa falhar um pagamento?

    Se uma empresa falhar o pagamento a gestão e cobrança do processo será entregue à Gestifatura. A Gestifatura é uma empresa associada da APERC (Associação Portuguesa de empresas de gestão e recuperação de créditos), sendo responsável pelo processo de cobranças em várias empresas no PSI20. Em caso de sucesso e à medida que os pagamentos forem cobrados, continuará a receber a sua parte do reembolso.

    Embora a ClicInvest reúna todos os esforços possíveis para assegurar o reembolso dos empréstimos. Lembre-se que qualquer investimento tem um risco associado e o valor do mesmo poderá variar.

  8. O que acontece se uma empresa ficar insolvente antes de pagar o empréstimo?

    Em caso de insolvência de uma empresa, a ClicInvest juntamente com a Gestifatura, irão procurar recuperar o valor máximo do montante em dívida pela via judicial e extrajudicial. Se for necessário recorrer à via judicial executar-se-á a promessa de dívida (i.e. contrato de mútuo) e a eventual garantia pessoal associada ao empréstimo. Caso este cenário se verifique, quando o montante em dívida for recuperado, será feito um pagamento único para a sua conta ClicInvest.

    A alocação do capital recuperado é feita na proporção da contribuição de cada investidor para o empréstimo.
    Em caso de sucesso da na recuperação da dívida os custos associados serão deduzidos ao montante recuperado.

    Embora a ClicInvest reúna todos os esforços possíveis para assegurar o reembolso dos empréstimos. Lembre-se que qualquer investimento tem um risco associado e o valor do mesmo poderá variar.


  9. Não vivo em Portugal, posso investir?

    Sim, pode e é muito bem-vindo.

  10. Como posso recuperar o meu pin de segurança?

    Basta entrar na sua área privada e solicitar um novo pin. O novo pin será enviado para o seu endereço de e-mail.

  11. Como posso encerrar a minha conta?

    Para encerrar a sua conta entre em contacto connosco, por email ou por telefone.

  12. Quero fazer uma reclamação, o que devo fazer?

    Pode fazer-nos chegar a sua reclamação por email apoio@clicinvest.pt, carta ou telefone. Para nós a sua opinião é muito relevante. Só assim conseguimos melhorar o nosso nível de serviço.

  13. Quem pode investir através da ClicInvest?

    Pode ser investidor na ClicInvest qualquer pessoa com mais de 18 anos que no processo de registo demonstre compreender o tipo de investimento em causa e riscos associados.

  14. Investidor não qualificado – prova de conhecimento sobre investimento e porque é necessária?

    Como qualquer investimento, investir através da ClicInvest tem riscos associados.
    Apesar de tomarmos todas as precauções para garantir que as empresas disponíveis no mercado são solventes, o capital investido não está garantido, pelo que o montante do seu investimento pode variar.

    Por estes motivos e para sua proteção no processo de registo é necessário que confirme que tem conhecimento dos riscos associados a esta prática de investimento.

    Caso seja um investidor qualificado, ficará isento desta prova de conhecimento.

  15. O que é um investidor qualificado?

    Para efeitos de avaliação e classificação como investidor qualificado, o cliente deve, no mínimo, respeitar dois dos seguintes critérios:

     a) Ter efetuado operações com um volume significativo no mercado relevante, com uma frequência média de 10 operações por trimestre, durante os últimos quatro trimestres;

     b) Dispor de uma carteira de instrumentos financeiros, incluindo depósitos em numerário, que exceda 500.000€;

     c) Desenvolver ou ter desenvolvido funções no sector financeiro durante, pelo menos, um ano, em cargo que exija conhecimento dos serviços ou operações em causa.

  16. Que tipo de empresas posso encontrar no Mercado ClicInvest?

    No mercado ClicInvest poderá encontrar todo o tipo de empresas, incluindo empresas de responsabilidade limitada, empresários em nome individual e sociedades. No entanto todas têm algo em comum:

      - Sede em Portugal;
      - Cumprem os critérios de adesão ao mercado ClicInvest.

    Veja secção EMPRESAS SOLVENTES na área investidor.

  17. Todas as empresas podem entrar no mercado ClicInvest?

    Não.
    Têm de cumprir um conjunto de critérios previamente definido .Veja secção EMPRESAS SOLVENTES na área investidor

  18. Avais pessoais ou outras garantias creditícias, qual o seu significado?

    Na ClicInvest, os investidores emprestam dinheiro diretamente às PME´s recebendo mensalmente o retorno do seu investimento de acordo com a taxa de juro e prazo contratualizado.

    Por norma os empréstimos no mercado ClicInvest estão avalizados, pela chefia ou sócios das empresas a serem financiadas, de forma a oferecer um maior conforto ao investidor no caso de estas entrarem em incumprimento. Tal como acontece com todas as garantias, a ClicInvest não pode garantir que todos os seus empréstimos serão recuperados em caso de incumprimento de um devedor.

    Aval pessoal:

    Esta forma de segurança é uma garantia, normalmente oferecida pelo Diretor/s ou sócios da empresa a ser financiada. No documento de aval, os diretores ou sócios garantem pessoalmente que se o negócio não honrar os seus compromissos, nomeadamente os pagamentos do empréstimo, eles assumem essa responsabilidade a título pessoal. A ClicInvest, marca detida pela Lincefunding, S.A., irá executar o aval no caso de a empresa não reembolsar o empréstimo, independentemente do motivo. É importante lembrar, que mesmo com um aval pessoal, o seu capital está em risco.

    Existem uma variedade de circunstâncias onde o aval pessoal pode ser exigido; a equipa de avaliação de crédito da ClicInvest tem discrição para além destes critérios:

      - Quando a empresa é uma subsidiária de outra empresa, garantias podem ser solicitadas aos beneficiários dessa empresa i.e. os acionistas e proprietários da empresa mãe.
      - Quando a acessibilidade, i.e. capacidade de honrar os pagamentos mensais (incluindo outras dívidas), são abaixo de certos limiares mas acima dos limiares mínimos exigidos pela ClicInvest.
      - Quando o negócio é pequeno, dado o nível de volume de faturação, lucros, ativos e número de empregados.
      - Quando os fundos próprios de uma empresa estão baixos ou negativos (não é pouco comum para as pequenas empresas rentáveis e saudáveis ter fundos próprios negativos).
      - Quando a informação financeira submetida não é recente, e/ou contas de gestão até à data não estão disponíveis.

    As empresas que se recusem a dar um aval pessoal quando exigido não podem entrar no mercado ClicInvest.

    O score de risco de uma empresa não é alterado caso o empréstimo tenha um aval pessoal ou outra forma de garantia. O aval pessoal pode oferecer mais conforto aos investidores, no entanto nenhum empréstimo deve ser considerado risco zero. Se um empréstimo entrar em incumprimento a ClicInvest vai agir de forma a tentar recuperar o máximo capital possível, esta ação poderá passar pelo sistema judicial.

  19. O que significa o empréstimo ter uma garantia pessoal ou outras garantias creditícias associada?

    A garantia funciona como um nível de segurança adicional para os investidores. Se por alguma razão a empresa financiada não conseguir pagar a prestação mensal, a garantia pode ser executada.
    Caso não se chegue a acordo e o processo siga para tribunal, o conjunto dos investidores torna-se credor da empresa, fiador e ou outra garantia e terá direito ao montante recuperado na proporção do investimento realizado.

    Tenha em atenção que apesar da existência desta garantia não podemos garantir que, em caso de insolvência, todo o valor que investiu seja recuperado.

  20. Porque é que no caso dos ENI´s não há necessidade de pedir garantias pessoais?

    No caso de um empresário em nome individual (ENI), pela própria natureza do tipo de empresa, a responsabilidade é ilimitada. Isto significa que caso a empresa entre em insolvência, o proprietário é automaticamente responsável pela dívida.
    Este cenário é semelhante ao de um empréstimo concedido a uma empresa de responsabilidade limitada com uma garantia pessoal associada (fiador). É por este motivo que não é necessário os ENIs prestarem garantias pessoais.

  21. Como é que a ClicInvest evita tentativas de fraude por parte das empresas?

    Aparte da documentação recolhida e entrevista; para garantir que a informação prestada pelas empresas é fidedigna esta é sempre cruzada com as bases de dados empresariais existentes.

  22. Porque é que as empresas se financiam na ClicInvest em vez de irem a um banco?

    Existem vários benefícios que podem fazer com que as empresas optem pelo financiamento através da ClicInvest:

      - Simplicidade e rapidez do processo: assim que terminam o registo ficam a saber o seu score de risco e se passam na triagem automática. Em 48 horas desde a candidatura, têm a resposta se são elegíveis ou não para financiamento;
      - Comissões claras e transparentes: aplica-se uma única comissão de sucesso de 3% pela organização do empréstimo. Paga após o financiamento atingir os 100% e apenas se a empresa aceitar o empréstimo.
      - Caso consigam ter fundos disponíveis antes do previsto, podem amortizar o valor em dívida sem qualquer custo adicional;
      - Taxa de juro competitiva face às alternativas existentes no mercado;
      - Apoio personalizado: contacto proativo por parte de um agente ClicInvest para garantir que toda a informação relevante para conseguir um empréstimo foi entregue.

    Empresas

  1. Quais as modalidades de empréstimo oferecidas no mercado ClicInvest?

    Embora tenhamos a ambição de um dia conseguir ajudá-lo em todas as suas necessidades de financiamento, de momento todos os empréstimos financiados no mercado ClicInvest são de curta ou média duração e têm as seguintes características:

      - Taxa de juro fixa;
      - Prestações mensais fixas;
      - Montante entre €2.500 e €150.000;
      - Maturidade flexível entre 6 e 36 meses;
      - Sem necessidade de garantias reais;

  2. Quais são as utilizações do financiamento elegíveis para entrar no mercado ClicInvest?

    Quase não existem limitações quanto ao destino do empréstimo. Quer os seus motivos sejam, entre outros, para investimento, aumentar o nível de inventário ou reforçar a tesouraria, pode contar com a nossa ajuda.

  3. Quem pode candidatar-se a um empréstimo através da ClicInvest?

    Qualquer empresa, incluindo Empresários em nome individual, desde que não atuem no setor financeiro ou sejam entidades públicas.

    Contudo, para garantir a salvaguarda dos interesses dos investidores e um nível mínimo de uniformidade no mercado, existem alguns requisitos que terá que cumprir:

      - Score de risco Iberinform acima de 4 (risco médio);
      - Pelo menos 2 anos de atividade;
      - Sede em Portugal;
      - Sem processos judiciais em curso (este requisito não se aplica a empresas que tenham um score de risco acima de 6);
      - Não existência de dívidas à segurança social e às finanças.

  4. Como posso obter um empréstimo?

    Para obter um empréstimo através da ClicInvest, o primeiro passo é efectuar o seu registo (demora menos de 30 segundos).
    Após introduzir os dados de registo, receberá um email para confirmar o seu registo.

    Após a confirmação, terá acesso à sua área privada ClicInvest.
    Ao registar-se vamos disponibilizar-lhe automaticamente o seu score de risco Iberinform e iremos informá-lo se passou na triagem automática. (Fazemos isto para que possa poupar tempo e frustração. Sabemos que não há nada pior do que perder tempo a preencher formulários que não levam a lado nenhum).

    Caso tenha passado na triagem automática, tem que completar a candidatura para pode prosseguir com o seu pedido de financiamento.

    Após a sua candidatura, será contactado por um dos nossos agentes, que irá validar em conjunto consigo os pontos chaves da sua candidatura.

    Se for bem-sucedido nesta fase do processo, ficará apto para entrar no mercado ClicInvest, onde os investidores poderão optar por financiá-lo em troca de uma taxa de juro. O seu pedido de empréstimo estará disponível no mercado durante um período máximo de 30 dias.
    A indústria de financiamento colaborativo é recente em Portugal. A tendência é que, à medida que a indústria ganhe notoriedade, o período necessário até ter o financiamento completo reduza para menos de uma semana. Para acelerar o processo, nada como divulgar o seu pedido a colaboradores, amigos e conhecidos.

    Assim que o seu empréstimo estiver financiado a 100%, mesmo que tenham decorrido menos de 30 dias, poderá optar por aceitar o empréstimo. Após a aceitação, e caso já tenhamos toda a documentação em nossa posse, o valor é transferido para a sua conta bancária no prazo máximo de 5 dias úteis.

  5. Posso editar a minha candidatura uma vez que a empresa entre no mercado ClicInvest e esteja visível para os investidores?

    Não. É por essa razão que no momento da candidatura lhe pedimos que preste a maior atenção à informação que disponibiliza (quer seja a fotografia, a descrição do negócio ou razão pela qual os investidores devem confiar em si). Adicionalmente, para que não lhe escape nada, um dos nossos agentes vai contactá-lo na fase de triagem manual, para garantir que toda a informação está correta e pronta para ser apresentada aos investidores.

  6. Porque é necessário apresentar uma garantia pessoal?

    A garantia pessoal é um sinal do seu empenho em cumprir as obrigações assumidas para com os investidores. Permite conquistar a confiança do mercado e pode fazer a diferença entre conseguir ou não um financiamento.

    De acordo com um estudo recente 86,5% dos investidores diz que não investiria caso a empresa não apresentasse aval pessoal. É com base nisto e a pensar no bom funcionamento do mercado que optámos por definir a apresentação de garantia pessoal como um requisito mínimo, embora seja possível existir casos em que a garantia pessoal não seja necessária.

  7. Como funciona a garantia Pessoal?

    Ao proceder à sua candidatura deverá identificar o fiador do empréstimo e respetivo email pessoal.
    Quando entrar no mercado enviaremos um email para o seu fiador com a documentação que deverá assinar e devolver por correio.
    Agradecemos que envie a documentação o mais rapidamente possível, mesmo que o seu empréstimo ainda não esteja totalmente financiado.
    Caso o seu empréstimo não seja financiado, a garantia fica automaticamente sem validade.

    Se o seu financiamento atingir os 100% sem que tenhamos recebido a documentação, não lhe poderemos efetuar a transferência. Evite atrasos, enviando a documentação atempadamente.

  8. Como é que a ClicInvest verifica a identidade do meu negócio?

    Verificamos a identidade do seu negócio através do cruzamento de dados com os nossos parceiros.

  9. Quanto tempo demora a ClicInvest a rever e aprovar uma candidatura?

    Demoramos, em média, entre 2 a 3 dias úteis, dependendo do tipo de negócio e do estado da sua empresa na base de dados IBERINFORM.

  10. A minha empresa não está presente, ou não tem a informação atualizada na base de dados Iberinform. E agora?

    Se a sua empresa ainda não consta da base de dados Iberinform ou se tem informação desatualizada não se preocupe. Não poderemos disponibilizar-lhe automaticamente o seu score de risco, mas bastará preencher um formulário disponível na sua área pessoal e daremos continuidade ao seu pedido.
    As boas notícias são que com o preenchimento deste formulário, não será necessário facultar-nos nenhuma informação adicional.
    Com a aprovação na triagem automática passa diretamente para a triagem manual.

  11. Como devo fazer para aceitar o empréstimo?

    A partir do momento em que o empréstimo atinja os 100%, poderá aceitá-lo na sua área privada ClicInvest. A conclusão do processo fica dependente de terem sido entregues todos os elementos solicitados pela Clicinvest, nomeadamente a Fiança e Autorização de DD. Mesmo após o envio de todos os elementos e a receção do contrato de mútuo para assinatura, o processo de financiamento apenas ficará concluído após validação final da conformidade de todo o processo pela ClicInvest; a omissão de dados, falta de envio de elementos ou a desconformidade com os requisitos impostos pela ClicInvest poderá ditar a alteração da decisão de crédito a qual momento.

  12. Posso cancelar o meu pedido de empréstimo?

    Sim, pode fazê-lo na sua área privada, através de um telefonema ou então através da ausência de confirmação no momento da aceitação.

  13. Posso fechar o leilão mais cedo e aceitar o empréstimo?

    Sim. O leilão está configurado para decorrer durante 30 dias, no entanto assim que esteja financiado a 100%, pode aceitar o empréstimo na sua área privada ClicInvest.

  14. Posso alterar o montante pedido?

    Apenas pode alterar montante solicitado antes da entrada no mercado ClicInvest. Para tal contate a equipa ClicInvest.

  15. Quanto tempo tenho para aceitar o empréstimo?

    A partir do momento em que o financiamento atinge os 100% ou atinge o final dos 30 dias é notificado. Após esta notificação tem 15 dias para aceitar o seu empréstimo.

  16. Qual o tipo de contrato aplicável quando contraio um empréstimo através da ClicInvest?

    Os contratos de financiamento do mercado ClicInvest assumem a forma legal de um contrato mútuo.

  17. Posso escolher o dia do pagamento mensal?

    A data de pagamento é definida como um mês após a data em que aceita o empréstimo. Nos meses seguintes mantém-se o mesmo dia do mês.
    Caso o dia de pagamento calhe num fim de semana, o débito será feito no dia útil seguinte.

  18. Posso alterar o dia do pagamento mensal?

    Infelizmente não. Se esta questão lhe causar grande transtorno, por favor entre em contacto connosco através do email apoio@clicinvest.pt ou do número 211 359 712.

  19. Quando começam os pagamentos mensais?

    O reembolso do seu empréstimo começa até 5 dias antes da data definida no seu contrato de empréstimo. Esta data será a primeira de entre 1) a data em que conclui o financiamento, 2) a data em que aceita o empréstimo (no caso de aceitar antes de ter terminado o período standard de 30 dias).
    De qualquer forma, não precisa de se preocupar, a data constará sempre do seu contrato.

  20. Como alterar os detalhes do pagamento mensal?

    Caso deseje mudar a conta associada ao seu débito direto, agradecemos que nos envie um email a expor a situação para info@clicinvest.pt

  21. Posso fazer pagamentos antecipados ou fechar o empréstimo mais cedo?

    Porque as pessoas são mais compreensivas que as grandes instituições, aplaudimos pagamentos antecipados.
    Caso opte por esta opção poderá fazê-lo de forma simples, utilizando a sua área privada ou contactando diretamente com a equipa ClicInvest.

  22. Posso encerrar a minha conta?

    Sim, caso pretender encerrar a sua conta entre em contacto com a nossa equipa.

  23. Como posso recuperar o meu código de segurança?

    Basta entrar na sua área privada e solicitar um novo pin. O novo código será enviado para o seu endereço de email.

  24. Quero fazer uma reclamação, o que devo fazer?

    Pode fazer-nos chegar a sua reclamação por email, carta ou telefone. Para nós a sua opinião é muito importante. Se algo não correu bem, partilhe essa informação connosco. Só assim conseguimos melhorar o nosso serviço e corrigir a situação.

  25. O que acontece se uma empresa falhar um pagamento?

    Em caso de mora de quaisquer pagamentos devidos pela Mutuária ao Mutuante, e durante o período de tempo em que a mesma se verificar, os juros do capital em dívida serão agravados com uma sobretaxa de 4% (quatro por cento) ao ano, aplicando-se ainda um fee adicional inerente a custos de cobrança (entre 3% a 24% para cobranças nacionais), em conformidade com tabela exposta abaixo:





    O Seu Dinheiro

  1. Como posso transferir dinheiro para a minha conta ClicInvest?

    Primeiro passo é completar o seu registo, criando a sua conta pessoal no mercado ClicInvest. Em seguida poderá transferir os fundos que pretende investir para a sua conta ClicInvest, através de uma transferência bancária ou referência multibanco. Esta pode ser efetuada através de todos os meios disponíveis para o efeito.

    Os dados necessários para efetuar a transferência ser-lhe-ão facultados na sua área privada; secção fundos.

  2. Tenho um valor não investido na conta ClicInvest. Onde é guardado?

    Qualquer valor ainda por investir mantêm-se numa conta segregada sediada no Millennium BCP. Para sua segurança, esta conta está completamente separado da operação da ClicInvest.

  3. Como faço para retirar dinheiro da minha conta ClicInvest?

    Pode dar ordem de transferência dos fundos disponíveis na sua conta ClicInvest a qualquer momento. Para isso, basta entrar na sua área privada e ter consigo o seu código de segurança.

    Por motivos de segurança as transferências terão de ser efetuadas para a conta bancária que foi associada à sua conta ClicInvest no processo de registo.

    Uma vez efetuada a ordem, terá o dinheiro disponível na sua conta bancária entre 3 a 5 dias úteis.

  4. Como posso aceder ao dinheiro do empréstimo, após este estar 100% financiado?

    Uma vez que o financiamento esteja a 100%, e após ter aceite o empréstimo e as condições associadas, o dinheiro será transferido para a conta da sua empresa entre 3 a 5 dias úteis.

    A conclusão do processo fica dependente de terem sido entregues todos os elementos solicitados pela Clicinvest, nomeadamente a Fiança e Autorização de DD. Mesmo após o envio de todos os elementos e a receção do contrato de mútuo para assinatura, o processo de financiamento apenas ficará concluído após validação final da conformidade de todo o processo pela ClicInvest; a omissão de dados, falta de envio de elementos ou a desconformidade com os requisitos impostos pela ClicInvest poderá ditar a alteração da decisão de crédito a qual momento.

  5. Como efetuo o pagamento das prestações mensais?

    O empréstimo é reembolsado através de prestações mensais. O pagamento é feito por débito direto, acionado aquando da aceitação do empréstimo.
    Não se preocupe com burocracias, a ClicInvest trata de tudo.

    Score Iberinform

  1. O que é o score Iberinform?

    O Score é um sistema de avaliação que mede a probabilidade de incumprimento de uma empresa a 12 meses. Trata-se de uma classificação baseada num modelo de análise de cobertura mundial, compatível com as regras financeiras internacionais dispostas no Acordo de Basileia II e, por isso mesmo, capaz de responder aos critérios exigidos a nível internacional, por entidades reguladoras (bancos e organismos estatais) ou, simplesmente, por empresas.
    Este indicador é exclusivo da Iberinform e trata-se de um sistema de avaliação pioneiro em Portugal, com leitura e reconhecimento em todo Mundo.

    Apresenta-se numa escala situada entre 1 e 10, em que cada uma das notas está associada a uma taxa média de incumprimento.




  2. Quais são os fatores utilizados para definir o risco das empresas?

    Para definir o risco das empresas, entre outros critérios e fontes de informação, recorremos ao score Iberinform. No caso do Score Iberinform são considerados um conjunto alargado de fatores, tais como:

      - Histórico comercial da equipa de gestão,
      - Evolução dos principais indicadores financeiros;
      - Dívidas de clientes
      - Dimensão do negócio e número de anos em atividade;
      - Setor de atividade e localização geográfica;
      - Existência de processos em tribunal ou de processos de insolvência (atuais e passados)
      - Último relatório de gestão disponível;
      - Reputação e perfil accionistas

    Com base nos critérios acima elencados, ser-lhe-á atribuído um score de risco entre 1 e 10, sendo 10 o score que representa o nível de risco mais baixo.

    Tenha em consideração que o seu score de risco pode alterar-se após a avaliação manual, tanto pela positiva como pela negativa.
    Para mais informação por favor consultar o site da Iberinform.

  3. Qual a equivalência do score a bandas de risco?

    A resposta não é direta.
    Embora sejam vulgarmente conhecidas as bandas de risco A+, A, B, C a verdade é que as bandas não são fixas. São estabelecidas pelas entidades que as apresentam. Com isto quer dizer que uma entidade pode atribuir um A+ a uma empresa à qual uma outra entidade atribua um B. A probabilidade de incumprimento é uma métrica muito mais comparável.

    Tal como as bandas de risco o score também é determinado com base na probabilidade de incumprimento entre outros fatores. A tabela abaixo mostra o comparativo entre os níveis utilizados pelas principais empresas de rating:




    Taxa de Juro, Comissões e Prestações

  1. Com que taxa de juro posso contar, e como é calculada?

    Na ClicInvest, as taxas de juro são definidas tendo por base o nível de risco do empréstimo e as condições de mercado.
    A taxa de juro final para determinado empréstimo é definida de acordo com a seguinte fórmula:

    Taxa de juro final = taxa base + ajustamento para o nível de risco e volatilidade

    A taxa de juro base é definida e revista periodicamente pela nossa equipa de risco. Tem em conta o retorno mínimo para um investidor em produtos de investimento com risco comparável e a taxa média de juro de mercado para empréstimos a pequenas e médias empresas.

    O ajustamento para o risco e volatilidade destina-se a acautelar possíveis perdas e funciona como um fator adicional que permite ajustar o retorno do investimento aos níveis de risco.

    As taxas de juro indicativas para um empréstimo a 12 meses são apresentadas na tabela abaixo:




  2. Como é calculada a prestação mensal do empréstimo / pagamento mensal ao investidor?

    Nos nossos empréstimos, a amortização é distribuída por prestações mensais fixas. Cada prestação inclui capital e juros. Nas prestações iniciais a parcela do juro é maior, reduzindo ao longo tempo. Por outro lado a parcela do capital vai aumentado. As prestações estão divididas por montantes iguais durante o prazo do empréstimo.

    As prestações são calculadas através da seguinte fórmula:
    Utilizamos o método de contagem de dias 30/360


    Onde: P é o montante do empréstimo, A é a prestação mensal, r é a taxa de juro dividida por 100 e de seguida por 12, e n é o numero de prestações.

    Exemplo:

      - Empréstimo de 25.000€ a 12 meses com uma taxa de 3,7%

      - Prestação mensal = 2.125,32€


    Calendário de pagamentos:





    Note que os juros são pagos sobre montante do capital em divida que todos os meses vai diminuindo.

  3. Quais são as comissões cobradas pela ClicInvest a quem obtém um empréstimo?

    A nossa estrutura de comissões é simples e transparente. Não existem custos escondidos nem custos adicionais.

    Se aceitar o financiamento, e unicamente neste caso, aplicar-se-á a seguinte comissão única:






    Caso opte por aceitar o empréstimo, a nossa comissão é deduzia ao montante a transferir.

  4. Existem custos ou comissões adicionais que possam vir a ser adicionadas ao meu empréstimo?

    Não. A única exceção é caso falhe pagamentos mensais.

  5. O que é uma TAE?

    É a Taxa Anual Efetiva (TAE), isto é, a taxa que reflete o custo total do Crédito. É expressa numa percentagem anual do montante total do crédito. A TAE considera todos os encargos relacionados com a operação de crédito. A TAE (Taxa Anual Efetiva) é calculada nos termos do Decreto-Lei nº 220/94, de 23 de agosto.

  6. O que é a TAN?

    É a Taxa Anual Nominal (TAN), isto é, a taxa de juro expressa numa percentagem fixa aplicada numa base anual ao montante do crédito utilizado, à qual são calculados os juros do crédito, sem incluir outros encargos ou impostos.

  7. O que é uma TAEL?

    É a Taxa Anual Efetiva líquida (TAEL), isto é, a taxa que reflete o custo total do Crédito depois de descontados impostos. É expressa numa percentagem anual do montante total do crédito.

    Obrigações Fiscais

  1. Quais são as minhas obrigações fiscais quando invisto através da ClicInvest?

    Neste tipo de operação a legislação atribui a responsabilidade ao mutuário (empresa a ser financiada).
    Enquanto investidor, os juros recebidos pelos seus investimentos estão sujeitos a retenção liberatória à taxa legal em vigor que para investidores particulares é normalmente de 28%. A taxa é cobrada quando os juros são pagos, por esse motivo o montante de juros que vai receber mensalmente é líquido de impostos.

    Residentes da Região Autónoma dos Açores são abrangidos pelo regime especial em vigor.

  2. É necessário declarar estes rendimentos no final do ano?

    O regime da retenção liberatória dispensa o investidor de qualquer obrigação declarativa no final do ano.

  3. Enquanto empresa, quais são os impostos e taxas legais que se aplicam ao meu financiamento?

    Ao aceitar o financiamento através do mercado ClicInvest, está a contrair um contrato de mútuo. Como tal, aplica-se o regime legal e fiscal geral para estes contratos. Em particular, ser-lhe-á cobrado imposto de selo (consulte Red.Lei nº 12-A/2010, de 30/06).

    17.1 - Pela utilização de crédito, sob a forma de fundos, mercadorias e outros valores, em virtude da concessão de crédito a qualquer título exceto nos casos referidos na verba 17.2, incluindo a cessão de créditos, o factoring e as operações de tesouraria quando envolvam qualquer tipo de financiamento ao cessionário, aderente ou devedor, considerando-se, sempre, como nova concessão de crédito a prorrogação do prazo do contrato - sobre o respetivo valor, em função do prazo: (Red.Lei nº 12-A/2010, de 30/06)

      17.1.1 Crédito de prazo inferior a um ano - por cada mês ou fração 0.04%

      17.1.2 Crédito de prazo igual ou superior a um ano 0.50%


    A empresa que contrai o mútuo de acordo com as regras gerais fica também obrigada a reter na fonte uma % do juro a pagar de acordo com a lei geral em vigor.
    Em termos práticos, caso tenha de pagar 1.000€ de capital e 500€ de juros num mês, na realidade só terá de transferir para a conta ClicInvest 1,000€ + (500€*(0.72%))= 1,360.00€ . Deverá entregar o restante valor (140€) à autoridade tributária após emissão de guia de retenção na fonte. Este exemplo pressupõem uma taxa de retenção de 28%.


    http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/informacao_fiscal/codigos_tributarios/selo/ccod_selo_tabgiselo.htm

    Segurança

  1. A minha informação esta segura?

    Na ClicInvest preocupamo-nos com a segurança dos seus dados e do seu dinheiro. Não podemos entrar em detalhes específicos, por motivos óbvios, mas fique sabendo que utilizamos os melhores sistemas de segurança, com varias camadas de encriptação e proteção, para que possa estar sempre descansado.

  2. Quais os tipos de garantia exigidos pela ClicInvest?

    No mercado ClicInvest, todas as empresas candidatas a financiamento têm que apresentar garantias pessoais ou outras garantias creditícias.
    Numa garantia pessoal os administradores, proprietários ou fiadores da empresa comprometem-se em assumir as responsabilidades da empresa, caso a empresa não o possa fazer.
    No caso das garantis creditícias, as mesmas vão sempre ao encontro da totalidade da exposição e responsabilidade do Mutuário na Plataforma Clicinvest
    Tenha em atenção que a garantia pessoal ou creditícia minimiza o nível de risco do investimento, mas não o elimina por completo.

  3. O que significa o empréstimo ter uma garantia pessoal associada?

    A garantia funciona como um nível de segurança adicional para os investidores. Se por alguma razão a empresa financiada não conseguir pagar a prestação mensal, a garantia pode ser executada.
    Caso não se chegue a acordo e o processo siga para tribunal, o conjunto dos investidores torna-se credor da empresa e terá direito ao montante recuperado na proporção do investimento realizado.

    Tenha em atenção que apesar da existência desta garantia não podemos garantir que, em caso de insolvência, todo o valor que investiu seja recuperado.

  4. Como é que a ClicInvest verifica a identidade das empresas?

    Verifica-mos a identidade das empresas através de cruzamento de dados com os nossos parceiros.

  5. Como é que a ClicInvest combate fraude por parte das empresas?

    Para garantir que a informação prestada pelas empresas é correta, além da entrevista e informação disponibilizada pelas empresas cruzamos a informação com as bases de dados relevantes para o efeito, exemplo IRN, DGAJ, etc.

Ainda tem dúvidas?
Fale connosco, estamos sempre disponíveis para esclarecer todas as suas dúvidas: